principal
   artigos
   technik
   encontros
   eventos
   propagandas
   loja virtual
   fórum
   contato
   equipe
   parcerias



 

 


vai para a página inicial da volkspage
 
 

VW Gol assume a liderança de vendas no México

Texto: Press-Release VWB
Imagens: Divulgação VWB

Data: 25 de Fevereiro de 2003


O brasileiríssimo VW Gol assumiu em janeiro a liderança do mercado mexicano de automóveis, com 6.271 unidades comercializadas. As vendas do modelo cresceram incríveis 76% em relação ao mesmo período do ano passado, batendo os rivais com mais de 35% de vantagem. Em segundo lugar, ficou o sedan Platina (Nissan), com 4.550 unidades vendidas; em terceiro, o também sedan Tsuro (Nissan), com 4.486 unidades; e, em quarto, o Corsa (GM), lá chamado de Chevy, com 3.886 unidades.

A explosão de vendas do Gol – chamado de Pointer no México – levou a Volkswagen a retomar a liderança do mercado mexicano, com 23,2% de participação. A marca vendeu em janeiro 14.664 carros no país – 12% a mais que no mesmo período do ano passado. Além do Gol, a VW do Brasil também exporta para o México outros cinco veículos: Parati, Saveiro, Golf, Polo e Polo Sedan. Parati, Saveiro e Golf são líderes em seus segmentos.

 

O Gol é o carro mais vendido do Brasil há 16 anos e também o veículo que lidera exportações do Brasil, com mais de 322 mil unidades exportadas. O sucesso do modelo no México deve-se basicamente a três fatores: excelente relação custo/benefício, ótima motorização/mecânica e beleza/modernidade do projeto. Exportado para 22 países, o Gol também começa a ser vendido este ano na China, o mercado mais cresce no mundo. A VW do Brasil fechou contrado de US$ 500 milhões para a venda de conjuntos desmontados (CKD) do modelo até 2007.

A Volkswagen do Brasil é a maior exportadora do País entre as montadoras de automóveis e a quinta maior entre todas as empresas. No ano passado, a empresa exportou mais de 138 mil veículos e, com isso, obteve um faturamento externo de US$ 1,3 bilhão e um superávit de US$ 623 milhões em sua balança comercial. Para este ano, a empresa espera ampliar as vendas externas em 10% e alcançar novo recorde de exportações.

 


© 1997-2019 - Todos os direitos reservados